Não

Vou começar a postar algumas poesias minhas, comentem, espero que gostem!

Grande abraço!

Lucas Rigamont

Não

Não

Palavra dura

Mas as vezes de amor

Palavra que machuca

Mas que pode salvar

Palavra dita para machucar

Ou para restaurar.

“Não pode”

“Não deve”

“Não te amo”

“Não chore”

“Não te quero”

“Não Sofra”

“Não”

Palavra que soa aos ouvidos

Como um sino incessante

Atordoante

Que rasga o coração

Com uma faca sem corte

Dor.

Palavra que atordoa

Repetindo em nossa mente

Incessantemente

Como o som de uma corrente

Que soa a noite

Rastejando

Assustando

Palavra crua

Dura de se engolir

Que destroe alma

E corpo

Que entristece

Palavra fria

Como nevasca

Em terra sombria

Palavra que distancia

Corações, almas

Pessoas.

Palavra dita em hora certa

Ou incerta

Que doe, que machuca

Que assusta,

Que atemoriza

Que mostra cuidado

Ou ódio

Amor

Rancor

Palavra forte

Mesmo dita por fraca pessoa

Palavra de morte

De vida

Palavra.

Que termina

Relacionamentos

Momentos

Sentimentos

Matando sonhos

De crianças

Jovens, adultos

E velhos

Tudo por uma palavra…

… Não.

2 thoughts on “Não

Deixe uma resposta